Logo

Menu

Posts Recentes

11 de dez de 2015

Você vai aprender a viver sem...

Você vai aprender a viver sem, você vai aprender a viver sem aquele esmalte que tanto adora, vai perceber que talvez aquela sua amiga não seja tão sua amiga assim e sem perceber vai se afastar dela, você vai aprender a viver sem aquele menino que por alguns meses ou anos foi seu tudo... Você vai aprender a viver sem muitas coisas que hoje julga ser tão importante, mas não é. Você pode viver sem tudo menos sem o amor...
Em certo momento da sua vida você vai entender o por que tem essa vontade louca de querer amar todo mundo, de se sentir amada, de querer o amor de qualquer pessoa, é porque você nunca amou. Você pode amar sua mãe, seu cachorro, sua amiga, mas não provou todos os tipos de amor, talvez você nunca conheceu nenhum tipo de amor, talvez você seja apenas uma conhecida dessa palavra, não íntima, talvez você não tirou um dia sequer da sua vida para o conhecer a fundo. Dizer "Eu te amo" não significa amar, existe uma grande diferença entre falar e sentir, falar minha cara até um papagaio fala, mas sentir e conhecer? Isso é extremamente pessoal.
Amor não é quantas vezes você atualizou seu My Story no Snapchat com fotos inúteis para que ele perceba que você está ali e vá falar com você, amor não é você passar horas do seu dia correndo atrás de uma pessoa que te trata como segunda opção, amor não é você inventar assuntos no Whatsapp para conversar com ele, amor não é você colocar uma placa escrita em NEON "Eu estou aqui" para ele te notar, isso não é amor... Se a pessoa quer estar com você ela está, se ela não quer ela não quer não vai estar, vai doer eu sei mas daqui um tempo isso vai passar, se ele quisesse estar com você ele estaria, arrumaria um tempo para conversar com você mesmo que estivessem em um fuso horário de quase 12 horas, o futebol, o inglês, o cursinho, o vestibular, são apenas desculpas. 
Amor não é você passar metade do seu dia montando o mapa astral de vocês ou ficar pensando numa vida perfeita ao lado dele no futuro. Pare! Isso não é amor, é só mais umas das suas tentativas para que ele te de um pouco de atenção nos seus momentos de carência. Amor não é você ficar com raiva por ele ter preferido jogar video game com os amigos, amor não é você passar horas ouvindo músicas românticas e chorando por ele ter trocado você pela sua "amiga", volto a repetir isso não é amor, isso tem outro nome: DOENÇA.
É desgastante olhar para uma pessoa e vê-la nadando contra a correnteza quando ela ao menos sabe nadar, chega a dar dó, talvez você não perceba pois estava muito preocupada tentando cair nas desculpas esfarrapadas que ele te dava.
Você vai aprender a viver sem tudo isso, você vai aprender ser mais forte, mais confiante, mais tudo... E especialmente vai aprender a se amar, a buscar amor dentro de si, não com os outros. 
Talvez esse seja o problema, você está mais preocupada em ter um status de relacionamento no facebook do que realmente se amar, talvez o amor próprio para você não exista, talvez, talvez, talvez... Mas quando você encontrar o amor dentro de si, nunca mais vai precisar a procurar nenhuma pessoa que te diga "Eu te amo" porque só você se basta. Mais amor, mas sem pedir por favor, porque você vai aprender a viver sem e vai aprender que tudo isso serviu para te tornar uma pessoa melhor, vai aprender a viver sem e nem vai sentir mais falta.

Eu termino esse texto com uma das minhas frases favoritas: “Ô minha filha, as suas dores não são as maiores do mundo e nem vão ser. Sacode a poeira. Toma um banho de rio. Abre essas asas. Grita alto, chora baixo. Pula alto e cai de cara. Desenha toda a beleza do mundo. Compra uma caixa de lápis de cor e sai aí colorindo a vida.” Tati Bernardi


Beijos, Glórya




9 de dez de 2015

Dicas de livros #2

Olá meninas, vocês sentiram a minha falta? Porque eu senti muito a falta de vocês e estava me faltando um pouquinho de tempo para postar aqui, e quando eu fazia alguma postagem pelo celular o infeliz não enviava nada, e isso me revoltava. O importante é que agora estou de volta e as postagens nas segundas, quartas e sextas também! Aêêê..




1) Ela está em todo lugar: May e Libby criaram a PRINCESS X no dia em que se conheceram, e desde então tornaram-se inseparáveis. Através da personagem, as garotas mataram todos os dragões e escalaram todas as montanhas que foram capazes de imaginar. Até Libby e sua mãe morrerem em um acidente de carro. Três anos depois, May começa a ver imagens da PRINCESS X em adesivos e pôsteres por toda a cidade. Isso só pode significar uma coisa: Libby está viva. E May não vai parar enquanto não encontrá-la.




2) Minha vida fora de série 3: Três anos se passaram desde a 2ª temporada de “Minha vida fora de série”. Priscila, agora com 19 anos, percebe que tem que deixar a adolescência para trás e começar a lidar com as responsabilidades da vida adulta: o namoro com Rodrigo, cada vez mais sério; o início da faculdade, que ela ainda tem dúvidas se escolheu a certa; as novidades na família, que mais uma vez transformam seu cotidiano. Mas, como nos seriados que tanto ama, ela também vai passar por muitas reviravoltas e confusões, e descobrir que alguns acontecimentos de episódios passados podem afetar os atuais. Não perca mais esta temporada imperdível da vida fora de série de Priscila.





3) De volta aos quinze: O que você faria se pudesse voltar no tempo?
Será que, ao fazer escolhas diferentes, você conseguiria mudar sua vida para melhor? 
Anita tem 30 anos, e sua vida é muito diferente do que ela sonhou para si. Um dia, ao reencontrar seu primeiro blog, escrito quando tinha 15 anos, algo inusitado acontece, e tudo ao seu redor se transforma de repente. Com cabeça de adulto e corpo de adolescente, ela se vê novamente vivendo as aventuras de uma das épocas mais intensas da vida de qualquer pessoa: o ensino médio. Ao procurar modificar acontecimentos, ela começa a perceber que as consequências de suas atitudes nem sempre são como ela imagina, o que pode ser bem complicado. Em meio a amores impossíveis, amizades desfeitas e atritos familiares, Anita tentará escrever seu próprio final feliz em uma página misteriosa na internet.





4) Não se apega não: Desapegar: remover da sua vida tudo que torne o seu coração mais pesado. Loucos são os que mantêm relacionamentos ruins por medo da solidão. Qual é o problema de ficar sozinha? Que me desculpe o criador da frase “você deve encontrar
a metade da sua laranja”. Calma lá, amigo. Eu nem gosto de laranja.
O amor vem pros distraídos.
Tudo começa com um ponto-final: a decisão de terminar o namoro de dois anos com Gustavo, o namorado dos sonhos de toda garota. As amigas acharam que Isabela tinha enlouquecido, porque, afinal de contas, eles formavam um casal per-fei-to! Mas por trás das aparências existia uma menina infeliz, disposta a assumir as consequências pela decisão de ficar sozinha. Estava na hora de resgatar o amor-próprio, a autoconfiança e entrar em contato com seus próprios desejos.
Parece fácil, mas atrapalhada do jeito que é, Isabela precisa primeiro lidar com o assédio de um primo gostosão, com as tentações da balada e, principalmente, entender que o príncipe encantado é artigo em falta no mercado. 
Isabela Freitas, em seu primeiro livro, narra os percalços vividos por sua personagem para encarar a vida e não se apegar ao que não presta, ainda assim, preservando seu lado romântico.




5) Para todos os garotos que já amei: Lara Jean guarda suas cartas de amor em uma caixa azul-petróleo que ganhou da mãe. Não são cartas que ela recebeu de alguém, mas que ela mesma escreveu. Uma para cada garoto que amou - cinco ao todo. São cartas sinceras, sem joguinhos nem fingimentos, repletas de coisas que Lara Jean não diria a ninguém, confissões de seus sentimentos mais profundos. Até que um dia essas cartas secretas são misteriosamente enviadas aos destinatários, e de uma hora para outra a vida amorosa de Lara Jean sai do papel e se transforma em algo que ela não pode mais controlar.



6) Um ano inesquecível: Dizem por aí que os melhores momentos da vida são vividos na adolescência. Os primeiros amores, os encontros, as festas, as viagens, as surpresas... E são sempre os instantes inesperados que transformam um dia comum em uma lembrança especial, daquelas que nunca deixarão de nos acompanhar. Este é um livro sobre esses momentos doces e sensíveis que não se apagam da memória tão facilmente. Quatro contos, em quatro estações do ano, sobre jovens que passam por vivências e sentimentos intensos. Paula Pimenta nos leva em uma viagem de inverno. Babi Dewet conta como um outono pode mudar tudo. Bruna Vieira mostra a paixão brotando com a primavera. E Thalita Rebouças narra um intenso amor de verão. Histórias de um ano inesquecível que vão ficar para sempre!





7) O projeto Rosie: Perto de completar 40 anos, o peculiar professor de genética Don Tillman havia desistido do amor. Para acompanhar sua rotina severamente cronometrada, com esquema de refeições padronizadas, um cronograma para a execução de cada compromisso e lidar com sua falta de habilidade social, só mesmo a mulher perfeita. E ele já sabe como encontrá-la. Ou pelo menos acha que sabe. Ele desenvolve o projeto Esposa Perfeita, um questionário meticuloso que irá ajudá-lo a selecionar candidatas adequadas a seu estilo de vida, mas quando Don conhece a jovem Rosie ele descobre que nem tudo na vida pode ser programado... e que o amor pode, de repente, vir a seu encontro.

"Não consegui parar de ler. Um dos livros mais sensíveis que já li. Ri do início ao fim e agora quero conhecer o Don." - Sophie Kinsella 




8) Ele está de volta: Berlim, 2011. Adolf Hitler acorda num terreno baldio. Vivo.
As coisas mudaram: não há mais Eva Braun, nem partido nazista, nem guerra. Hitler mal pode identificar sua amada pátria, infestada de imigrantes e governada por uma mulher. As pessoas, claro, o reconhecem como um imitador talentoso que se recusa a sair do personagem. Até que o impensável acontece: o discurso de Hitler torna-se um viral, um campeão de audiência no YouTube, ele ganha o próprio programa de televisão e todos querem ouvi-lo. Tudo isso enquanto tenta convencer as pessoas de que sim, ele é realmente quem diz ser, e, sim, ele quer mesmo dizer o que está dizendo.Ele está de volta é uma sátira mordaz sobre a sociedade contemporânea governada pela mídia. Uma história bizarramente inteligente, bizarramente engraçada e bizarramente plausível contada pela perspectiva de um personagem repulsivo, carismático e até mesmo ridículo, mas indiscutivelmente marcante.






9) Clube da luta: Considerado um clássico moderno desde sua publicação em 1996, o livro Clube da Luta consagrou Chuck Palahniuk como um dos mais importantes e criativos autores contemporâneos, além do próprio livro como um cânone da cultura pop. 
O livro que estava esgotado há anos volta às livrarias nessa caprichada edição.
Clube da Luta é idealizado por Tyler Durden, que acha que encontrou uma maneira de viver fora dos limites da sociedade e das regras sem sentido. Mas o que está por vir de sua mente pode piorar muito daqui para frente.
O livro foi filmado em 1999, pelo vencedor do Oscar de melhor diretor, David Fincher (Os Homens Que Não Amavam as Mulheres, A Rede Social), que conseguiu adaptar toda atmosfera do livro, o mundo caótico do personagem e o humor negro de Palahniuk em uma trama recebida com inúmeros elogios pela crítica e pelo público que conta com os atores Brad Pitt, Edward Norton e Helena Bonham Carter.




10) Paixão sem limites: "Abbi Glines cria caras sexy que pulam das páginas - ou pelo menos você gostaria que pulassem." - Tammara Webber, autora de Easy

Blaire Wynn não teve uma adolescência normal. Ela passou os últimos três anos cuidando da mãe doente. Após a sua morte, Blaire foi obrigada a vender a casa da família no Alabama para arcar com as despesas médicas. Agora, aos 19 anos, está sozinha e sem lugar para ficar. Então não tem outra escolha senão pedir ajuda ao pai que as abandonara. 

Ao chegar a Rosemary, na Flórida, ela se depara com uma mansão à beira-mar e um mundo de luxo completamente diferente do seu. Para piorar, o pai viajou com a nova esposa para Paris, deixando Blaire ali sozinha com o filho dela, que não parece nada satisfeito com a chegada da irmã postiça. 

Rush Finlay é filho da madrasta de Blaire com um famoso astro do rock. Ele tem 24 anos, é lindo, rico, charmoso e parece ter o mundo inteiro a seus pés. Extremamente sexy, orgulha-se de levar várias garotas para a cama e dispensá-las no dia seguinte. Blaire sabe que deve ficar longe dele, mas não consegue evitar a atração que sente, ainda mais quando ele começa a dar sinais de que sente a mesma coisa. 

Convivendo sob o mesmo teto, eles acabam se entregando a uma paixão proibida, sobre a qual não têm nenhum controle. Mas Rush guarda um segredo que Blaire não deve descobrir e que pode mudar para sempre as suas vidas. 

Paixão sem limites - primeiro volume da trilogia Sem Limites, que vendeu mais de 500 mil exemplares como publicação independente - é um livro romântico, sexy e intenso, que vai conquistar os leitores e deixá-los ávidos pela sequência.


Beijos, Glórya
Em



21 de set de 2015

As melhores frases: Isabela Freitas

Gente como assim faz semanas que o blogger não atualiza? To pasma, está cada vez mais difícil ficar atualizando o blog pelo celular mas é o que temos para hoje e Dezembro também está quase ai (obrigada meu Deus)



O post de hoje é sobre as melhores da autora Isabela Freitas, até porque todas nós precisamos de uma dose de desapego nessa vida, se não for de um relacionamento, é com amizade, se não é com algum objeto pessoal... Nós seres humanos - mulheres principalmente, temos esse defeito horrível de se apegar por qualquer coisa! E como de uma semana para cá to passando por uma fase gigantesca de desapego, vim compartilhar as melhores frases com vocês




"Você não pode ter medo de ser o que é. E daí se você é louca? As melhores pessoas são. E daí se você fala o que pensa? A verdade machuca mas é necessária. E daí se você quiser sair por aí sem se importar com nada e com ninguém? Você pode."

"Se fosse bom se chamaria open bar, não relacionamento."





"Já perdi as contas de quantos caras se decepcionaram por achar que eu era a mulher da vida deles. Eu sou a mulher da minha vida."

“Mulher quando desiste é porque já se esgotou. Já lutou demais. Já sangrou demais. Já caiu de joelhos. Já se esfolou. Já chorou, e não tem mais lágrimas. Porque mulher que é mulher, insiste. Mas quando desiste, meu amigo, não há quem a faça mudar de ideia…”





"O sonho da vida da mulher não é achar o príncipe encantado e sim ter cílios lindos e enormes sem precisar passar rímel."

"Amor é quando você olha pro seu ex e pensa, "Como eu pude perder meu tempo com isso?". Amor próprio."





Espero que vocês tenham gostado do post, e só para avisar que semana que vem vamos ter um especial "New York Fashion Week" por uma semana, comentando todos os desfiles, modelos, novas coleções! Aguardem... Beijos e até sexta

7 de set de 2015

Voltei.

Olá leitoras lindas da minha vida, como vocês estão? 

Vim aqui para "anunciar" a minha volta e para dizer também que o blog irá passar por uma reforminha, sei que fiquei apenas uma semana sem dar as caras por aqui mas foi porque fiquei preparado um conteúdo novo para vocês.

Beijos, Glorya

26 de ago de 2015

Guia: Como ser uma blogueira profissional

Existem duas pessoas na blogosfera: Aquelas que tem blog por hobby e aquelas que assim como eu trabalham como isso. Todo mundo sabe que para ganhar $$ com o blog é preciso se dedicar ainda mais com o seu site, acabamos gastando com isso é layout, é domínio personalizado.
Ter um blog não é coisa fácil não, se você pensa que vai criar seu blog hoje e amanhã o porteiro vai estar te entregando uma bolsa da Chanel: Você está muito enganada. 
Quando criei meu blog ele era totalmente gratuito: Dominio, plataforma, layout, aos poucos fui deixando meu cantinho mais "profissional" 





1) Domínio: Para mim o domínio deveria ser gratuito, até porque eu acho super feio passar uns tempos usando o domínio gratuito. Algumas meninas, infelizmente não tem condição ou apoio dos pais para comprar o um ".com" ou um ".com.br" mas existem sites que disponibilizam domínios gratuitos o famoso ".tk" mas ajuda bastante na hora de deixar mais profissional.






2) Hospedagem: A hospedagem para mim é o elemento primordial de um blog, algo que tem que ser pensado com muito carinho, pensar nas suas condições de bancar um blog, querer deixar ele mais profissional e o quanto você sabe lidar com aquela plataforma... O meu blog é hospedado atualmente no Blogspot, por algumas escolhas pessoais, como custo, html, entre outras coisas, mas infelizmente o site não é tão profissional quanto o Wordpress - e seria mentira falar que não quero migrá-lo para lá.




3) Layout: Eu não acho muita graça em Layouts free nunca gostei de usar e só usava porque era obrigatório, um design gratuito não foi feito para você e sim para várias pessoas sempre vai ter alguma coisa que não vai te agradar, quando usava os gratuitos viva mudando pois quando via algum blog com o mesmo ficava com o pé atrás, porque algo não estava do jeito que gostaria que fosse, quem pegou o meu primeiro mês de blog sabe que cada dia estava com algo diferente. Hoje eu tenho meu layout, gosto do jeito que ele está, fiz ele a mão e mandei para a Renata Massa que formatou o código idêntico ao que mandei para ela. O meu layout predomina o branco, preto e o rosa que são as minhas cores favoritas, logo quem entra no meu blog de cara acaba sabendo isso, além do Layout te agradar, vai agradar os seus leitores, vai mostrar quem você é, sua personalidade vai estar a tapa e vai atrair muitas empresas. Ponto. 




4) Câmera: Um blog requer investimentos, do mesmo jeito que é importante você ter uma url paga, um layout só seu, você também vai precisar de uma câmera boa, não precisa ser nenhum equipamento semi ou profissional desde que o seu aparelho tire fotos e grave vídeos em uma boa qualidade está tudo bem eu não recomendo que você fique gravando e tirando fotos com a câmera do celular (por melhor que seja) uma maquina fotográfica acaba saindo muito mais vantajoso, por ter como adequar a imagem com a lampada que você usa, o cenário e etc... Uma câmera digital tem todos esses recursos e o preço minimo é de R$150,00 ou você pode procurar uma tecnologia mais avançada usada. 




5) Cenário: Essa dica é super importante para qualquer pessoa né? Se eu estou no Youtube vendo um vídeo e o cenário é péssimo na maioria das vezes acabo desligando ninguém é obrigado ver gente falando de moda na cozinha né, você não precisa contratar uma decoradora só para fazer seu quarto para os seus vídeos, você pode fazer DIYS, colocar umas fotos na parede branca, deixar tudo a sua cara que no final garanto que vai ser maravilhoso e único.




6) Redes sociais: A partir de agora você é uma pessoa púbica e seu currículo depende da sua moral, não adianta passar horas cuidando do blog deixando ele maravilhoso e descuidando das outras redes sociais não é, não adianta você cuidar do seu blog deixando ele sendo o sonho de qualquer empresa se no Instagram você posta fotos bêbada com as amigas, tuita que fumou muito na ultima social e curte/comenta coisas suspeitas no Facebook. Nada contra você fumar, beber, mas quando você tem um blog acaba tendo a obrigação de ser uma pessoa "exemplar", pode ser polemico e dar visualizações para a sua pagina? Pode, mas você pode perder vários patrocinadores e leitores pelo seu comportamento, você pode levar a sua vida como sempre levou mas evite ficar mostrando-a para os seus leitores de uma forma tão exposta.

Espero que vocês tenham gostado desse guia e finalmente tudo está se ajeitando, vou voltar com o Youtube em breve... E com o Extensivo também, fiquem ligados.

Beijos, Glorya